MAÇONARIA ETERNO APRENDIZ

Ser ou estar M.'., não é apenas ter o conhecimento de sinais, toques e palavras. É muito mais que isto. É poder aplicar o seu conhecimento em busca da verdade que nós leva, sermos melhores a cada dia. É entendermos e aplicarmos os propósitos maçônicos, seus valores morais e éticos. É sabermos de como melhor servirmos ao próximo. QUE O DEUS DE SEU CORAÇÃO LHES CONCEDA LUZ, SABEDORIA E PROSPERIDADE. A TODOS PAZ PROFUNDA .'.

SEMPRE AS ORDENS :- EMAIL:- nelsongoncalvessocial@gmail.com
QUEREMOS APENAS AJUDAR .

AUDIT 4 ALL CONSULTORIA E TREINAMENTO EM AUDITORIA LTDA-ME - email: LEANDRO_GONCALVES73@HOTMAIL.COM

Nos permitimos sugerir que você conheça: http://www.gomb.org.br/
WWW.GOB.ORG.BR
WWW.GLESP.COM.BR
WWW.GOMP.ORG.BR
WWW.GOP.ORG,.BR
Obs: para julgar é preciso primeiramente conhecer. Somos todos Irmãos .'.







domingo, 20 de abril de 2014

maçom e a Lenda Hiram Abiff - sua simbologia -seu significado

Vai aqui , primeiramente a nossa Saudação pelas três sagradas pontas do triângulo. Que o Deus do seu coração, lhe permita Luz e Sabedoria, para que entendas que a Maçonaria é evolutiva e progressista. Que você entenda o seu real papel, diante do seu aprendizado quanto a Liberdade, Igualdade e Fraternidade. Que você aplique o seu conhecimento em seu dia dia, em seu cotidiano, em sua vida. Que você saiba o quanto é importante você ser M.'., fora das Lojas e que não basta você apenas ter aprendido, SINAIS, PALAVRAS E TOQUES. Você é muito mais que isto.
Tudo aquilo que você lê, ouve,vê, merece uma atenção muito mais observadora e de reflexão. Não basta ler, ouvir, ver. Você deve entender o significado, a simbologia e se convencer de que é certo ou errado. Se convencer e acreditar é primordial, até que algo novo surja e lhe demonstre que você não estava tão certo e com humildade deve aceitar e mudar a sua opinião. Não há porque termos vergonha em nos aprimorarmos e aceitarmos nossos erros. SOMOS IMPERFEITOS. NÃO SE ESQUEÇA DISTO. A nossa caminhada , o nosso aprendizado é longo e requerer de todos nós muita observação. Mesmo estando MESTRE, se você observar, não aprendemos nada ainda. A caminhada continua e esperamos que com muita LUZ, para que você consiga se aproximar da verdade, uma vez que ela é relativa e o que é certo para você, talvez não seja para mim.
HIRAM ABIFF .'.
                              Aprendemos como sendo a LENDA que está contida em todos os Graus Maçônicos, principalmente no terceiro grau, bem como é observada em um dos Landmarks.
                              A lenda apresenta HIRÃO ABI , como sendo o salvador maçônico e apregoa um rito de morte e ressurreição  de seu salvador. 
                              Abordado por três vezes para revelar o segredo de um Mestre Maçom é ferido e morto por negar esta informação. Salomão diante do acontecido envia grupo para investigar e descobrir HIRÃO ABIF, que encontrado em sua sepultura, ressuscita.
                              Vejam que a lenda fala em HIRÃO ABIFF e não HIRAM ABIFF.
                               Em outra visão a lenda diz que se trata de um ritual do terceiro grau da maçonaria, que surgira em razão da construção do Templo de Salomão. Quando o Rei de Tiro, que também tinha o nome de HIRÃO, fez acordos com Salomão, enviando para a Terra Santa, ouro, prata, madeira de ciprete e cedro, além de pedreiros e desse sábio artífice HIRÃO ABI, que era descendente de Dã por parte de mãe e filho de um nome fenício. Nesta outra visão consta ser HIRÃO salvador maçônico e apregoa um rito de morte bem como a ressurreição deste salvador. Na 3a abordagem ele é ferido e morto. Na visão ADVENTISTA no entanto se questiona que seriam pessoas distintas. HIRÃO ABIF , (Rei de Tiro)  nada haver com HIRAM ABIFF .
                                 Isto nos faz observarmos mais tudo que é publicado a respeito,até porque todos sabem de que muitos escritos aconteceram com o tempo. Tudo que diz respeito à Maçonaria era oculto. Nos primórdios era proibido a escrita e até mesmo o que já está escrito é preciso que tenhamos uma maior observação face a tradução, que pode não ser a correta. É por isto que chegarmos próximo da verdade, é algo que requer estudos, pesquisas. Somente com o tempo é que se consegue um melhor entendimento e o fortalecimento do que acreditamos.
                                  HIRAM ABIFF, é também conhecido como , o filho da viúva. De acordo com os Maçons ele teria sido o arquiteto e construtor do Templo de Salomão, templo que guardaria a placa que continha os 10 Mandamentos e seria a morada de DEUS.Segundo esta lenda, Salomão que foi Rei de Israel recebeu o projeto diretamente de DEUS. HIRAM ABIFF, também era conhecedor da planta divina. Foi então que ele HIRAM fora abordado por três de seus operários, invejosos de HIRAM, por não terem este conhecimento. Entendiam que HIRAM era possuidor de uma palavra chave e que esta palavra os levariam a ter todo o conhecimento que HIRAM possuía. Sabedores de que HIRAM, ia diariamente ao templo para rezar, o aguardaram. 
                                   HIRAM , ao se aproximar da PORTA LESTE, é abordado pelo primeiro operário que lhe pede o segredo, mas diante da negativa este operário corta a garganta de HIRAM, com uma pedra afiada. HIRAM , consegue fugir mas chegando à PORTA SUL é novamente abordado pelo segundo operário, que diante de nova negativa , lhe fere com o esquadro de pedreiro. Rastejando HIRAM, chega à PORTA OESTE e ali também encontra o terceiro operário, que diante de mais uma negativa em revelar o segredo, é atingido com um golpe na testa. O terceiro operário lhe dá uma pancada com um martelo, e isto o leva a morte. Ao desfalecer grita MEU DEUS ! QUEM AJUDARÁ O FILHO DA VIÚVA?
É preciso que se saiba, de que há poucos indícios de que HIRAM e o TEMPLO DE SALOMÃO, realmente existiram. Somente na BÍBLIA é que encontramos poucas citações.

O RITUAL SOBRE HIRAM ABIFF , é feito nas iniciações, onde toda historia de que conhecemos é retratada da forma como aprendemos sobre a lenda. Ali se demonstra uma das simbologias utilizadas na maçonaria. Neste ritual acabamos por entender o significado do "segredo" que não deve ser revelado, mas não é o que muitos imaginam. É preciso que se entenda de que gradativamente o iniciado em razão de seus estudos, dedicação, recebe o que se chama de "aumento de salário" e vai passando de um grau para outro e a cada grau se adquire o conhecimento especifico para aquele grau. isto não pode ser revelado ao iniciado, enquanto este não fizer por merecer. É tudo ao seu tempo. 
A ressurreição de cada um tem também um significado simbólico e pessoal, onde nos leva a reflexão deste momento e seu significado em nossas vidas. 
Em muitos momentos de nossa vida, ressuscitamos , renovamos a nossa vida e muitas das vezes iniciamos do zero, pautados em tudo que vivenciamos e é assim que gradativamente entendo que conseguimos nos aprimorar ( lapidar a pedra bruta) , sermos melhores a cada dia , e com isto serviços à sociedade que busca constantemente uma vida mais digna, pautada na LIBERDADE, IGUALDADE E FRATERNIDADE .
E tenho dito Nelson Gonçalves M.'.I.'. , frc.'.
COMPLEMENTANDO:-
HIRAM ABIFF na BÍBLIA - Não consta realmente da Bíblia. O que consta são referências a pessoas chamadas HIRAM .
1.- II SAMUEL 5.11
2.-REIS 5.15.32
3.-REIS 7.13.14

Hiram Abiff

Hiram Abiff


Hiram Abiff é uma figura alegórica mencionada no ritual maçônico, que é figurado como mestre de construção do templo do Rei Salomão.
Hiram na Bíblia
O nome Hiram Abiff não consta na Bíblia, mas existem referências a pessoas chamadas Hiram que são:
Hiram, rei de Tiro, referido em II Samuel 5:11 e em I Reis 5:15-32 por ter enviado material de construção e um homem para a construção do templo original de Jerusalém.
Em I Reis 7:13–14, Hiram é descrito como um homem de Tiro que trabalhava em bronze, filho de uma viúva da tribo de Neftali.


A Lenda de Hiram Abiff


Nome de origem hebraica, posto os dois Hiram referidos na Bíblia proviessem do Líbano. Temos Hiram ou Hirão rei Tiro e Hiram Abiff, o artífice que esse Rei enviara a Salomão para o embelezamento do Grande Templo. Hiram, o arquiteto, era filho de uma mulher da tribo de Dan e de um homem tírio chamado Ur, que significa "forjador de ferro", consoante o relato bíblico em II Crônicas, 10; ou filho de uma viúva da tribo de Naftali consoante refere Reis I, 7:13. O nome Hiram pode ser traduzido como "Vida Elevada".

Fontes Bíblicas e a Lenda

O relato bíblico tece louvores à habilidade profissional de Hiram, contudo, por ocasião da consagração do Templo, não é mencionado.
Em torno desse personagem, criou-se a Lenda de Hiram Abiff, que o dá como tendo sido assassinado por três maus companheiros. Lenda é um relato fantasioso que parte de um fato verídico; Hiram o arquiteto existiu; a história dos Hebreus o refere; e ele foi assassinado por três construtores porque ele era o único que sabia decifrar as escrituras do templo de Salomão, as quais alguns tinham cobiça. Alguns autores referem que teria sido a Lenda criada para dar sustento político à casa real dos Stuart.
Ver :II Crônicas, 10; Reis I, 7:13.

Simbologia Maçônica

Todos os Graus do Rito Escocês Antigo e Aceito da Maçonaria contém uma parcela da Lenda de Hiram Abiff e um dos Landmarks determina que seja observada essa Lenda. Na realidade ela possui uma simbologia esotérica e toda liturgia iniciática maçônica a envolve.

O Assassinato


Na lenda de Hiram Abiff, surgem três "Assassinos", que feriram a morte o Mestre, através de golpes com instrumentos de trabalho, a régua, o esquadro e o maço. Todos os golpes contribuíram para essa morte e todos os produziram com excessivo dolo. Diz-se em maçonaria, "Assassino", aquele que "trai" os ideais maçônicos, pois "destrói" a vida espiritual.

Simbolismo da palavra Abiff

Trata-se de uma palavra composta das iniciais extraído de outras quatro palavras: Aleph, Beth, Iod e Vav, todas hebraicas. O interesse maçônico diz respeito a Hiram Abif. Significa "seu pai". É também, um título de respeito. O Rei de Tiro ao referir ao seu artífice chama-o de "meu amo Hiram". No Livro de Crônicas, é chamado de "Seu Pai, Hiram Abiff". O sobrenome resulta em seu título de honra: Hiram, o pai da construção do Grande Templo.
Postado pelo Ir.'. MOACIR MALTA COSTA - gob em blog de sua ARLS





Postar um comentário